Blog
(11) 3884-4070
(11) 3059-2929
Olá Visitante! Sua conta
0 itens Sua cesta

Megaesôfago em cães

Publicado em: 31/01/18 15:19

Megaesôfago é o termo que se refere à dilatação e à hipomotilidade esofágica, que causará um acumulo de alimentos e liquido no mesmo e provocará um quadro de regurgitação aguda pelas vias nasais e boca.

A afecção pode ser congênita, idiopática ou secundária adquirida, e também têm sido descritas predisposições hereditárias em algumas raças de cães, como no Fox Terrier, Schnauzer, Pastor Alemão, Dog Alemão, Golden Retriever e Setter Irlandês.

O megaesôfago congênito corresponde à hipomotilidade e à dilatação generalizada do esôfago, provocando regurgitação e subdesenvolvimento do filhote após o desmame. A patogenia da forma congênita ainda não está completamente esclarecida, embora estudos apontem para um defeito na inervação aferente vagal para o estômago (WASHABAU, 2004). Mas segundo Willard (2006), a causa ainda é desconhecida e não há evidências de desmielinização ou degeneração neural e a inervação vagal eferente parece estar normal (WILLARD, 2006). O megaesôfago secundário adquirido ocorre como conseqüência de causas primárias que provocam alterações motoras no esôfago ou no esfíncter gastroesofágico, determinando sua dilatação passiva. As principais causas de megaesôfago secundário são miastenia grave, lúpus eritematoso, polimiosite, polineurite, neuropatias degenerativas, hipoadrenocorticismo, hipotireoidismo, déficit de tiamina, intoxicações por metais pesados (chumbo e tálio), tumores (principalmente timoma) e problemas cervicais (ANDRADE, 2007).

A sintomatologia apresentada varia de acordo com a extensão da afecção. No inicio da doença, a regurgitação aguda é o mais comum, seguido por sialorreia, tentativas repetidas de deglutição com extensão ou torção da cabeça e pescoço, perda de peso e halitose. Ao exame físico, pode-se observar sensibilidade a palpação em região de esôfago e auscultação de liquido.

O diagnóstico é firmado através da análise dos sinais clínicos, por meio de anamnese, e como recurso adicional utiliza-se a radiografia simples e constratada, endoscopia e exames bioquímicos.  É de extrema importância que haja uma diferenciação entre o vomito e a regurgitação, para que se possa ter a confirmação do sinal clinico apresentado.

A regurgitação difere do vômito, caracterizando-se por uma eliminação retrógrada passiva do alimento não digerido a partir do esôfago. O vômito caracteriza-se pelas atividades coordenadas dos sistemas gastrintestinais, musculoesqueléticos e nervoso, culminando na eliminação ativa do alimento digerido ou parcialmente digerido pelo trato gastrintestinal.

É recomendado, junto ao tratamento indicado pelo médico veterinário, alimentar o animal em posição elevada, num ângulo de 45 a 90º ao solo e mantê-lo por 10 a 15 minutos elevados depois da alimentação para que se tenha uma melhora da apresentação dos sinais clínicos. 

Essa dilatação do esôfago resulta em uma severa desordem na motilidade, tornando o órgão dilatado e flácido e o peristaltismo ineficiente (WASHABAU; HOLT, 2003) A forma idiopática do megaesôfago é a causa mais comum, podendo ser congênita, sendo mais comum em filhotes, e a adquirida mais comum em animais idosos. Atualmente, não há cura ou tratamento clínico que solucione a debilidade esofágica congênita, mas se indica um tratamento dietético conservador, a fim de se evitar o agravamento da dilatação e a aspiração.

 

Referencias Bibliográficas:

ANDRADE, S. F. Megaesôfago secundário à miastenia grave em uma cadela da raça Pastor Alemão. Semina: Ciências Agrárias, v. 28, n. 3, p. 477-482, 2007.

HELTON, G. D. Distúrbios musculares e de junção neuromuscular. In: BIRCHARD, S. J.; SHERDING R. G. Manual Saunders de clínica de pequenos animais. 2. ed. São Paulo: Roca, 2003. p. 1438.

SPILLMANN, T. Esophageal diseases diagnostic and therapeutic approach. In: ANNUAL WSAVA CONGRESS, 32., 2007, Sydney. Proceedings… Sydney: Wsava Congress, 2007.

TILLEY, L.P.; SMITH, F.W.K. Consulta Veterinária em 5 Minutos. 2 ed. Barueri: Manole, p. 942-43, 2003.

WASHABAU, R. J. Doenças do esôfago. In: ETTINGER, S. J.; FELDMAN, E. C. Tratado de medicina interna veterinária: doenças do cão e gato. 5. ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2004. p. 1205-1214

Compartilhe:

0 Comentários

Enviar Comentário

* Campos obrigatórios

Histórico de Navegação


Ortovet orgulha-se de ser hoje referência de qualidade no amplo mercado veterinário dos dias atuais. Nossa meta é sempre estar em sintonia com o médico veterinário, trazendo novidades e facilidades para seu trabalho diário, firmando parcerias sólidas com profissionais e instituições consagradas no meio veterinário, tanto de Grandes como de Pequenos animais.
 
Já há mais de 20 anos no mercado, a Ortovet se especializou na fabricação de Instrumentais Cirúrgicos Veterinários (pinças hemostáticas, tesouras, porta-agulhas, pinças anatômicas), Instrumentos Ortopédicos Veterinários (afastadores, curetas, goivas, cizalhas, entre diversos outros) Equipamentos de uso veterinário em geral, Odontologia Equina (Abridores de Bocas, elevadores dentais, boticões, Canetas Odontológicas Equinas) dentre diversos outros produtos com destaque no meio veterinário.
 
Contamos hoje com inúmeras parcerias no mercado, tanto na área de pequenos como de grandes animais, o que reforça nossa qualidade e seriedade. Estamos sempre atualizando nossas mídias sociais também, não deixe de conferir! Tem muito conteúdo bom por lá!
Página oficial da OrtovetPágina com foco em Odontologia Equina
 
Mesmo depois do pioneirismo no fornecimento de Equipamentos para Odontologia de Equinos, nunca paramos de investir na área. Hoje, contamos com a ilustre parceria de um dos principais especialistas da área: o Vice-Presidente da Associação Brasileira de Odontologia Equina (ABOE), Dr. Maurício José Bittar como professor de nossos cursos de Extensão em Odontologia Equina.
 
Navegue à vontade em nossa Loja Virtual e confira produtos e promoções exclusivas! Sempre temos oportunidades por aqui. Se preferir, trate diretamente com nossa equipe de vendas em tempo real via Whatsapp, através dos números (11) 99362-5749 ou (11) 97389-7141

Vale lembrar também que todas nossas imagens na loja virtual são meramente ilustrativas! Para maiores informações, sempre entre em contato!
Olá visitante! Sua conta
0 itens Sua cesta